Terça, 30 de Novembro de 2021
87 996048999
Câmara dos Deputados Câmara dos Deputados

Comissão aprova proposta que reconhece a Festa de Nossa Senhora Achiropita como manifestação cultural nacional

Gustavo Sales/Câmara dos Deputados Alexandre Padilha recomendou a aprovação da proposta A Comissão de Cultura da Câmara dos Deputados aprovou o P...

23/11/2021 21h45
15
Por: Redação Fonte: Agência Câmara de Notícias
Alexandre Padilha recomendou a aprovação da proposta - (Foto: Gustavo Sales/Câmara dos Deputados)
Alexandre Padilha recomendou a aprovação da proposta - (Foto: Gustavo Sales/Câmara dos Deputados)

A Comissão de Cultura da Câmara dos Deputados aprovou o Projeto de Lei 2475/21, que reconhece a Festa de Nossa Senhora Achiropita, realizada no mês de agosto na cidade de São Paulo, como manifestação cultural nacional.

O relator, deputado Alexandre Padilha (PT-SP), recomendou a aprovação. “Por ter recebido grande leva de imigrantes italianos no final do século 19 e início do século 20, o Brasil tornou-se um notável legatário de tradições advindas das regiões da Itália, entre as quais a devoção à Nossa Senhora Achiropita”, disse.

A tradição católica diz que, por volta do século 7, na cidade italiana de Rossano, região da Calábria, uma pintura da Virgem Maria foi retratada de forma milagrosa em uma igreja. O nome “achiropita” significa que não foi feito por mãos humanas, e sim por meio de intervenção divina.

Segundo o autor da proposta, deputado Geninho Zuliani (DEM-SP), participam anualmente dessa celebração católica cerca de 200 mil visitantes de todo o Brasil, um público maior do que o registrado em evento similar na Itália.

“Toda a renda arrecadada com o trabalho de mais de mil voluntários financia e mantém obras sociais”, disse Zuliani, lembrando que a paróquia teve origem em 1908, quando imigrantes italianos trouxeram a imagem da santa ao País.

Tramitação
O projeto tramita em caráter conclusivo e ainda será analisado pela Comissão de Constituição e Justiça e de Cidadania.

Saiba mais sobre a tramitação de projetos de lei.

Nenhum comentário
500 caracteres restantes.
Comentar
Mostrar mais comentários
* O conteúdo de cada comentário é de responsabilidade de quem realizá-lo. Nos reservamos ao direito de reprovar ou eliminar comentários em desacordo com o propósito do site ou que contenham palavras ofensivas.