Terça, 30 de Novembro de 2021
87 996048999
Câmara dos Deputados Câmara dos Deputados

Projeto define como crime de responsabilidade não enviar ao Congresso proposta de revisão anual de salário de servidor

Paula Fróes/Governo da Bahia Proposta quer proteger o poder aquisitivo de servidores públicos dos três Poderes O Projeto de Lei 2258/21 tipifica ...

24/11/2021 19h30
16
Por: Redação Fonte: Agência Câmara de Notícias
Proposta quer proteger o poder aquisitivo de servidores públicos dos três Poderes - (Foto: Paula Fróes/Governo da Bahia)
Proposta quer proteger o poder aquisitivo de servidores públicos dos três Poderes - (Foto: Paula Fróes/Governo da Bahia)

O Projeto de Lei 2258/21 tipifica como crime de responsabilidade do presidente da República não enviar ao Poder Legislativo a proposta de revisão geral anual da remuneração e do subsídio dos agentes públicos.

Em análise na Câmara dos Deputados, o texto altera a Lei 1.079/50, que trata dos crimes de agentes públicos. O projeto foi apresentado pela Comissão de Legislação Participativa, após aprovação de uma sugestão da Associação Nacional dos Aposentados, Deficientes, Idosos, Pensionistas e dos Segurados da Previdência Social, que justificou a medida como uma necessidade de proteção aos servidores públicos dos três Poderes.

Segundo a argumentação da associação, “a medida visa a assegurar proteção ao poder aquisitivo dos trabalhadores do setor público, uma vez que os trabalhadores do setor privado, os celetistas, gozam de data-base, o que obriga os servidores do setor público ao desgastante processo de greves por melhorias salariais e recomposição das perdas inflacionárias”.

Tramitação
A proposta será analisada pela Comissão de Constituição e Justiça e de Cidadania e pelo Plenário.

Saiba mais sobre a tramitação de projetos de lei

Nenhum comentário
500 caracteres restantes.
Comentar
Mostrar mais comentários
* O conteúdo de cada comentário é de responsabilidade de quem realizá-lo. Nos reservamos ao direito de reprovar ou eliminar comentários em desacordo com o propósito do site ou que contenham palavras ofensivas.