Sexta, 18 de Junho de 2021
87 996048999
Câmara dos Deputados Câmara dos Deputados

Comissão aprova projeto que inclui tecnologia em política da agricultura familiar

Política da agricultura familiar também deverá levar em consideração o desenvolvimento sustentável

11/06/2021 13h45
10
Por: Redação Fonte: Agência Câmara de Notícias
Costa: questão tecnológica é importante para fortalecimento da agricultura familiar - (Foto: Arquivo/Câmara dos Deputados)
Costa: questão tecnológica é importante para fortalecimento da agricultura familiar - (Foto: Arquivo/Câmara dos Deputados)

A Comissão de Agricultura, Pecuária, Abastecimento e Desenvolvimento Rural da Câmara dos Deputados aprovou, na quarta-feira (9), o Projeto de Lei 5826/19, que inclui a inovação e o desenvolvimento tecnológico entre as diretrizes a serem observadas na formulação da Política Nacional da Agricultura Familiar.

A proposta é de autoria do deputado Carlos Henrique Gaguim (DEM-TO) e recebeu parecer favorável do relator, deputado Juarez Costa (MDB-MT). Ele apresentou uma emenda para determinar que a política da agricultura familiar também leve em consideração o desenvolvimento sustentável.

Costa disse que o projeto é importante porque não foca apenas em financiamento e comercialização, aspectos geralmente priorizados em políticas públicas para o campo.

“É preciso avançar nos pontos que ainda constituem um entrave para a promoção do crescimento e fortalecimento da agricultura familiar no Brasil. Nesse contexto, a questão tecnológica merece destaque”, disse.

O texto aprovado altera a Lei 11.326/06, que estabeleceu as diretrizes da Política Nacional da Agricultura Familiar e Empreendimentos Familiares Rurais.

Tramitação
O projeto tramita em caráter conclusivo e será analisado agora pela Comissão de Constituição e Justiça e de Cidadania (CCJ).

Saiba mais sobre a tramitação de projetos de lei

Nenhum comentário
500 caracteres restantes.
Comentar
Mostrar mais comentários
* O conteúdo de cada comentário é de responsabilidade de quem realizá-lo. Nos reservamos ao direito de reprovar ou eliminar comentários em desacordo com o propósito do site ou que contenham palavras ofensivas.